Natália Lambert

Consultora

Jornalista com 14 anos de experiência no mercado, formada no Centro Universitário de Brasília (UniCEUB), com aperfeiçoamento em redação e revisão de textos na Universidade de Brasília (UnB), é especialista em política e temas institucionais, com consolidada carreira jornalística, sendo repórter premiada e, enquanto assessora de comunicação, responsável por coordenar equipe de comunicação de importante associação nacional.

Como assessora de imprensa, esteve à frente da comunicação social da Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR) em 2018, sendo responsável por todo conteúdo referente à associação, incluindo notas, reportagens, campanhas, cobertura e organização de eventos e relacionamento com a mídia. Coordenou uma equipe de produção de notícias impressas e on-line para o público interno e externo e de monitoramento das mídias sociais. Na condução da comunicação da ANPR enfrentou diversas situações de crise ao lidar com iniciativas contra a Operação Lava-Jato, fim do auxílio-moradia, elaboração da lista tríplice para a Procuradoria-Geral da República, entre outros temas do Ministério Público Federal.

A atuação em assessoria começou quando, por dois anos, fez a gestão de comunicação do gabinete da deputada federal Rebecca Garcia (AM) na Câmara dos Deputados, onde era responsável pelo atendimento à imprensa, atualização de redes sociais, acompanhamento em comissões temáticas, reuniões e grupos de trabalho, redação de textos para o formato eletrônico e impresso e de pronunciamentos.

Entre 2010 e 2018, integrou o grupo Diários Associados atuando como repórter especial, subeditora e coordenadora de pauta em diversas editorias, incluindo Política, Brasil, Economia e Cidades. Editou reportagens premiadas, como a série vencedora do Prêmio Embratel de Jornalismo de 2013, sobre o fim dos 14º e 15º salários. Além disso, como repórter especial, conquistou o Prêmio República de Valorização do Ministério Público Federal em 2018, com a série especial de reportagens “Césio 137: 30 anos de um inimigo invisível”, sobre o acidente radioativo em Goiânia, e, em 2017, com a série de reportagens #XôPrivilégio, sobre o foro privilegiado de autoridades brasileiras. Ganhou, também em 2017, o Prêmio de Jornalismo da Confederação Nacional do Transporte (CNT), na categoria Meio Ambiente, com o especial “Ciclovias em busca de uma cidade”, publicado no site do Correio Braziliense.